Cristãos correm com Bíblia gigante na Volta da Pampulha

Escrito por .::Boas Novas PB::. em .Postado em Música

Durante a “17ª Volta Internacional da Pampulha”, que acontece em Belo Horizonte no dia 6 de dezembro, evangélicos de diversas denominações irão correr carregando uma Bíblia gigante.

A iniciativa conta com apoio dos ministérios “Atleta de Cristo” e “Mocidade” da Lagoinha. A ideia é homenagear o “Dia da Bíblia” comemorado no segundo domingo do mês de dezembro.

Esta será a quarta edição da “Corrida com a Bíblia”, evento que tem como objetivo evangelizar os corredores que participam da tradicional “Volta da Pampulha”. Por isso durante o evento serão distribuídos centenas de CDs da Bíblia Falada do pastor Cornélio Augusto.

“Em um evento desse porte, que recebe, aproximadamente, 15 mil atletas de vários países, vale a pena divulgar a Palavra de Deus”, diz Heron dos Santos, um dos coordenadores da Corrida com a Bíblia.

Santos convida todos os interessados a participarem desse momento evangelístico. “Para isso, contamos com todos os irmãos que queiram se voluntariar ou nos abençoar de alguma forma. Pretendemos alcançar o maior número de pessoas possível”.

A “17ª Volta Internacional da Pampulha” deve atrair mais de 100 corredores que percorrerão um percurso de 18 km revezando de mão em mão a Bíblia gigante.

Salmo 150

Escrito por .::Boas Novas PB::. em .Postado em Música

Aleluia! Louvem a Deus no seu santuário, louvem-no no seu poderoso firmamento.                                                  

Louvem-no pelos seus feitos poderosos, louvem-no segundo a imensidão de sua grandeza!

Louvem-no ao som de trombeta, louvem-no com a lira e a harpa,

louvem-no com tamborins e danças, louvem-no com instrumentos de cordas e com flautas,

louvem-no com címbalos sonoros, louvem-no com címbalos ressonantes.

Tudo o que tem vida louve o Senhor! Aleluia!

Salmos 150:1-6

Salmo 138

Escrito por .::Boas Novas PB::. em .Postado em Música

1 Graças te dou de todo o meu coração; diante dos deuses a ti canto louvores.

2 Inclino-me para o teu santo templo, e louvo o teu nome pela tua benignidade, e pela tua fidelidade; pois engrandeceste acima de tudo o teu nome e a tua palavra.

3 No dia em que eu clamei, atendeste-me; alentaste-me, fortalecendo a minha alma.

4 Todos os reis da terra de louvarão, ó Senhor, quando ouvirem as palavras da tua boca;

5 e cantarão os caminhos do Senhor, pois grande é a glória do Senhor.

6 Ainda que o Senhor é excelso, contudo atenta para o humilde; mas ao soberbo, conhece-o de longe.

7 Embora eu ande no meio da angústia, tu me revivificas; contra a ira dos meus inimigos estendes a tua mão, e a tua destra me salva.

8 O Senhor aperfeiçoará o que me diz respeito. A tua benignidade, ó Senhor, dura para sempre; não abandones as obras das tuas mãos.

salmo 111

Escrito por .::Boas Novas PB::. em .Postado em Música

1 – LOUVAI ao SENHOR. Louvarei ao SENHOR de todo o meu coração, na assembléia dos justos e na congregação.

2 – Grandes são as obras do SENHOR, procuradas por todos os que nelas tomam prazer.

3 – A sua obra tem glória e majestade, e a sua justiça permanece para sempre.

4 – Fez com que as suas maravilhas fossem lembradas; piedoso e misericordioso é o SENHOR.

5 – Deu mantimento aos que o temem; lembrar-se-á sempre da sua aliança.

6 – Anunciou ao seu povo o poder das suas obras, para lhe dar a herança dos gentios.

7 – As obras das suas mãos são verdade e juízo, seguros todos os seus mandamentos.

8 – Permanecem firmes para todo o sempre; e são feitos em verdade e retidão.

9 – Redenção enviou ao seu povo; ordenou a sua aliança para sempre; santo e tremendo é o seu nome.

10 – O temor do SENHOR é o princípio da sabedoria; bom entendimento têm todos os que cumprem os seus mandamentos; o seu louvor permanece para sempre.

salmo 109

Escrito por .::Boas Novas PB::. em .Postado em Música

1 – Ó DEUS do meu louvor, não te cales,

2 – Pois a boca do ímpio e a boca do enganador estão abertas contra mim. Têm falado contra mim com uma língua mentirosa.

3 – Eles me cercaram com palavras odiosas, e pelejaram contra mim sem causa.

4 – Em recompensa do meu amor são meus adversários; mas eu faço oração.

5 – E me deram mal pelo bem, e ódio pelo meu amor.

6 – Põe sobre ele um ímpio, e Satanás esteja à sua direita.

7 – Quando for julgado, saia condenado; e a sua oração se lhe torne em pecado.

8 – Sejam poucos os seus dias, e outro tome o seu ofício.

9 – Sejam órfãos os seus filhos, e viúva sua mulher.

10 – Sejam vagabundos e pedintes os seus filhos, e busquem pão fora dos seus lugares desolados.

11 – Lance o credor mão de tudo quanto tenha, e despojem os estranhos o seu trabalho.

12 – Não haja ninguém que se compadeça dele, nem haja quem favoreça os seus órfãos.

13 – Desapareça a sua posteridade, o seu nome seja apagado na seguinte geração.

14 – Esteja na memória do SENHOR a iniqüidade de seus pais, e não se apague o pecado de sua mãe.

15 – Antes estejam sempre perante o SENHOR, para que faça desaparecer a sua memória da terra.

16 – Porquanto não se lembrou de fazer misericórdia; antes perseguiu ao homem aflito e ao necessitado, para que pudesse até matar o quebrantado de coração.

17 – Visto que amou a maldição, ela lhe sobrevenha, e assim como não desejou a bênção, ela se afaste dele.

18 – Assim como se vestiu de maldição, como sua roupa, assim penetre ela nas suas entranhas, como água, e em seus ossos como azeite.

19 – Seja para ele como a roupa que o cobre, e como cinto que o cinja sempre.

20 – Seja este o galardão dos meus contrários, da parte do SENHOR, e dos que falam mal contra a minha alma.

21 – Mas tu, ó DEUS o Senhor, trata comigo por amor do teu nome, porque a tua misericórdia é boa, livra-me,

22 – Pois estou aflito e necessitado, e o meu coração está ferido dentro de mim.

23 – Vou-me como a sombra que declina; sou sacudido como o gafanhoto.

24 – De jejuar estão enfraquecidos os meus joelhos, e a minha carne emagrece.

25 – E ainda lhes sou opróbrio; quando me contemplam, movem as cabeças.

26 – Ajuda-me, ó SENHOR meu Deus, salva-me segundo a tua misericórdia.

27 – Para que saibam que esta é a tua mão, e que tu, SENHOR, o fizeste.

28 – Amaldiçoem eles, mas abençoa tu; quando se levantarem fiquem confundidos; e alegre-se o teu servo.

29 – Vistam-se os meus adversários de vergonha, e cubram-se com a sua própria confusão como com uma capa.

30 – Louvarei grandemente ao SENHOR com a minha boca; louvá-lo-ei entre a multidão.

31 – Pois se porá à direita do pobre, para o livrar dos que condenam a sua alma.